ficha_tecnica
Aumentar fonte Diminuir fonte

Centros de Educação e Cultura

ESPAÇO CULTURAL DA MARINHA E ILHA FISCAL

Slide 1
Slide 2
Slide 3
Slide 4
Slide 5
Slide 6
Slide 7
Slide 8
Slide 9
1 2 3 4 5 6 7 8 9

Inaugurado em janeiro de 1996, o Espaço Cultural da Marinha (ECM) tem vários navios-museus em sua área externa. Um deles é o Contratorpedeiro Bauru, da década de 1940, que aborda a participação do Brasil na Segunda Guerra Mundial. O outro é o Submarino Riachuelo, com um histórico de 18 mil horas debaixo d’água. Há ainda a réplica de uma Nau e o Sea King (Rei do Mar), um helicóptero antissubmarino que serviu à Marinha até 1996.

Quando da elaboração deste Guia, as visitas estavam suspensas, devido às obras da Praça XV. Porém, as embarcações podem ser vistas do cais, de onde também saem dois navios para os Passeios.

Dando a volta na Baía de Guana-bara, a embarcação é o Rebocador Laurindo Pitta, construído em 1910, que participou da Primeira Guerra Mundial e ainda navega depois de ser restaurado. Adaptado com uma sala de exposição e assentos para 90 pessoas, o navio segue um roteiro que conta fatos e aponta locais de importância para nossa História, como os Fortes e as ilhas da Baía.

A bordo da Escuna Nogueira da Gama, os visitantes seguem diretamente para a Ilha Fiscal, onde D. Pedro II mandou construir uma incrível edificação em estilo gótico-provençal. Internamente, os acabamentos são de primeira: piso com mosaico em madeira, vitrais franceses, escadarias em pedra, tudo decorado com mobiliário fino e requintado. Foi lá que aconteceu o famoso Último Baile do Império, dias antes da Proclamação da República.

Na visitação guiada, detalhes e curiosidades da época são mostrados ao vivo e, em um vídeo multimídia, uma atriz trajada com figurino de época conta todos os detalhes da festa. São também mostrados objetos pessoais, obras de arte, uma réplica do convite do Baile escrito com pó de ouro e uma mesa posta, como se estivesse ali desde a noite da última grande festa do Império.

Em outra ala do prédio principal, uma exposição mostra as riquezas do mar na costa do Brasil e a necessidade de uma Marinha para protegê-las.

Os ingressos para os passeios, que acontecem de quinta-feira a domingo, são comprados no bistrô do Museu Naval. Estudantes, idosos e crianças pagam meia-entrada. Ambos os passeios encantam a todos, que passam a conhecer melhor episódios de nossa História contados sob a perspectiva do mar.

12h30 / 14h / 15h30 - 5ª a domingo (Saída para a Ilha Fiscal)
13h15 / 15h15 - 5ª a domingo (Saída pela Baía de Guanabara)
Bilheteria: A partir das 11h.

Passeio Marítimo
R$ 25 (Inteira)
R$ 12 (Meia-Entrada)
(A visitação específica ao Espaço Cultural da Marinha e aos navios-museus é gratuita, mas estava temporariamente suspensa. Consultar maiores informações pelo site ou telefones.)

Todas as idades

Carro, Metrô (Estação Carioca), Ônibus

Tênis, Chapéu ou boné, Água, Câmera, Protetor solar

13 - F3/G2

Informações:

Avenida Alfred Agache, s/n - Centro
(21) 2104-6025
(21) 2532-5992 / 2233-9165 (Agendar visitas para grupos)

Facebook: Marinha Oficial
Site: http://www.dphdm.mar.mil.br
E-mail: faleconosco@dphdm.mar.mil.br (informações gerais)
E-mail: agendamento@dphdm.mar.mil.br (agendar visitas para grupos)