ficha_tecnica
Aumentar fonte Diminuir fonte

Cultura Gastronômica

REI DOS FRANGOS MARÍTIMOS

Slide 1
Slide 2
Slide 3
Slide 4
1 2 3 4

Situado no famoso Beco das Sardinhas, local cercado de bares cuja fama se deve às crocantes sardinhas servidas com chope gelado, há mais de 50 anos o Rei vem atraindo uma legião de fãs. O restaurante pertence ao simpático Fernando Barbosa de Ascenção, que também é proprietário, junto com um irmão, de dois outros bares/restaurantes vizinhos, formando o que se poderia chamar de um legítimo Triângulo das Sardinhas.

Todos que olham pela primeira vez a plaquinha na porta do restaurante fazem cara de interrogação e querem saber o que poderia ser um frango marítimo. Reza a lenda que tudo começou no primeiro estabelecimento, o Bar Ocidental, onde era servida uma boa refeição caseira a preços populares, inclusive a sardinha, que começava a ser introduzida no cardápio. Certa vez, um amigo cartunista desenhou um animal metade frango e metade peixe e colou na porta do bar, para que os clientes pudessem conhecer o tal prato, que acabou apelidado de “frango marítimo”. Fez tanto sucesso que até hoje rende risadas quando o bem humorado Fernando explica que frango marítimo tem escamas e frango terrestre tem pés.

Os três restaurantes da família servem quase o mesmo tipo de refeição, mantendo em comum as famosas sardinhas fritas. Outros bares seguiram a mesma linha, o que fez aquela calçada da rua Miguel Couto lotar de mesas e ganhar o apelido de Beco das Sardinhas. O lugar é histórico e já teve tempos áureos, de intenso movimento, quando em uma noite de sexta-feira era impossível conseguir uma cadeira e as pessoas se aglomeravam, em pé, para se fartar com as sardinhas acompanhadas de cerveja ou chope bem gelados, até altas horas da noite, participando de serestas ao vivo. Ainda hoje as sextas-feiras continuam sendo o dia de maior movimento.

Além das famosas sardinhas, o Rei dos Frangos Marítimos oferece um cardápio variado, igualmente saboroso e honesto, com pratos especiais de dourado,  linguado, pescada e peroá,  servidos com acompanhamentos perfeitos, como o bem temperado arroz de brócolis, a salada de maionese ou as batatas coradas. Carne e frango — o que tem pé, é claro — também estão presentes para agradar aos clientes, que sempre saem muito satisfeitos.

11h às 22h - 2ª a 6ª
9h às 13h - sábados
(com movimento fica até mais tarde)

A partir de R$ 2
(uma sardinha)

Todas as idades

Carro, Metrô (Estação Uruguaiana), Ônibus

110 - E3

Informações:

Rua Miguel Couto, 139 – Centro
(21) 2233-6119

E-mail: frangosmaritmos@gmail.com